Buenos Aires de bicicleta

bicicleta-buenosaires

Andar de bicicleta é uma das coisas que mais gosto de fazer e Buenos Aires é uma cidade super bike friendly. A capital argentina conta uma grande rede de ciclovias e também é bastante plana.

Buenos Aires já conta com 230 km de ciclovias (aqui chamam de bicisendas) espalhadas por boa parte da cidade e é super comum ver muita gente indo ou voltando do trabalho de bike.

Bicicleta-BuenosAires
Ciclovias de Buenos Aires. Foto: Gobierno de la Ciudad

Pelas ciclovias é comum encontrar placas que mostram as distâncias e o tempo de pedalada até os pontos turísticos ou locais mais famosos da cidade.

Um dos meus programas favoritos é pedalar até os Bosques de Palermo nos fins de semana, escolher um cantinho tranquilo e ler um bom livro.

buenosaires-palermo
Bosques de Palermo

Bike de graça
Como turista você também pode aproveitar as belas ruas da cidade para pedalar. Buenos Aires tem um sistema de empréstimo de bicicletas gratuito, que é do Itaú. As bikes são alaranjadas, iguais as do Rio de Janeiro.

Viajantes também podem pegar uma emprestada e o serviço funciona 24h. Tá tudo explicadinho neste site. Turistas precisam apresentar o passaporte, um cartão de crédito, ser maior de 18 anos e baixar um aplicativo. Atualmente, tem 400 estações para pegar bicis espalhadas pela cidade.

Como o sistema é gratuito, o empréstimo é feito por 1h de segunda a sexta, e nos fins de semana, 2h.

Mapas de ciclovias
Um site que uso muito para me orientar em Buenos Aires e saber qual é o melhor caminho para fazer de bicicleta é o https://mapa.buenosaires.gob.ar/comollego. É só colocar o endereço atual e para onde deseja ir que o site mostra o melhor trajeto e várias opções, inclusive caminhos para fazer de bicicleta e o tempo estimado de viagem. Eu uso sempre por aqui!

Um detalhe, o trânsito na cidade portenha é forte e os cidadãos não costumam respeitar muito as leis de trânsito aqui, infelizmente. Por isso, prefira sempre pedalar pelas ciclovias e evite as grandes avenidas onde passam muitos ônibus.

bicicleta-buenosaires bicicleta-buenosaires

Aluguel e tours de bike
Se você gostou da ideia de pedalar, uma opção é alugar uma dentro dos parques mesmo. Eu já vi bikes pra alugar no Lago Regatas, nos Bosques de Palermo (perto da ponte do Rosedal) e também na entrada da Reserva Ecológica, entre outros lugares. Outro dia perguntei os valores e para ter uma ideia, para usar a bicicleta por uma 1h estavam cobrando cerca de 5 dólares por hora.

bicicleta-buenosaires
Aluguel de bicicletas em Palermo

Um dos meus passeios favoritos é pedalar pelos Bosques de Palermo, dando uma paradinha no Rosedal e depois aproveitar a tranquilidade do Lago Regatas, que fica do outro lado dos Bosques de Palermo.

Saindo de Recoleta dá tranquilamente para fazer esse trajeto ida e volta em 2h, e ainda dá tempo de uma paradinha rápida para tirar fotos na escultura metálica gigante da flor. Costumo fazer esse trajeto pela Avenida Libertador que tem uma ciclovia ótima e é uma das mais belas de Buenos Aires, na minha opinião.

bicicleta-buenosaires
Ciclovia da Avenida Libertador

Se você preferir um tour com guia e várias explicações, aproveite porque tem muitas opções bacanas por aqui. Eu já fiz dois e recomendo. Este tour saiu do Jardim Botânico e passou por vários pontos turísticos de Palermo, e este outro é um tour de street art bem interessante.

Outro lugar que recomendo para ir de bicicleta é a Reserva Ecológica que fica na Costanera, ao lado do rio. Esse lugar super vale a pena conhecer só se for de bike. Aqui tem um post completo sobre a reserva.

Segurança
Também aproveito para fazer um comentário, sem intenção de assustar ninguém. Buenos Aires é uma cidade relativamente segura. Eu que nunca tinha sido assaltada no Brasil, fui roubada uma vez em Buenos: perdi minha bicicleta pra um cara que me assaltou com uma navalha. Joguei a bicicleta no chão e saí correndo. Esse triste incidente aconteceu na ciclovia ao lado do Hipódromo (na Av. Dorrego esquina com Figueroa Alcorta) e era de dia, um domingo.

De qualquer maneira, acho que foi um baita azar meu estar passando naquela hora naquele lugar, porque tem muuuuitas pessoas que andam de bike em Buenos Aires e eu acho a cidade mais segura do que qualquer uma no Brasil!

Por isso, minha dica é andar em grupo, sempre que possível, e prender mochila ou bolsa na cestinha da bicicleta (não deixar solta) e levar o mais importante: dinheiro, celular e documentos, em uma pochete ou bolso interno com você.

Procurando hospedagem em Buenos Aires? Confira as melhores ofertas de hotéis do Booking na capital portenha. Se você reservar através deste link, o blog ganha uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso! 

Mais um conselho importante, se tiver que parar no caminho NÃO DEIXE a bicicleta amarrada com cadeado na rua. É certeza que vão roubar. Infelizmente roubam muitas bicicletas que ficam sozinhas nas ruas, mesmo com cadeado e corrente grossa por aqui. Se tiver que parar, deixe alguém cuidando da bike ou guarde dentro de um estacionamento de carros. Sempre é melhor garantir. Seguindo esses conselhos, você não vai ter nenhum problema e vai ver que pedalar por Buenos Aires é uma maravilha!

Quer saber tudo sobre Buenos Aires? Confira o guia de viagem digital para ter a capital portenha aos seus pés!

Participe e deixe seu comentário.