Feirinha do Largo da Ordem, ótimo passeio em Curitiba

Quem gosta de artesanato, coisas fofas e produtos brasileiros, não pode deixar de visitar a Feirinha do Largo da Ordem de Curitiba! Sou suspeita pra falar, porque sou curitibana, mas para mim essa é a melhor feirinha do mundo no quesito qualidade e criatividade!

Aos domingos, a região do bairro São Francisco fica lotada de turistas e curitibanos que passeiam pelas barracas em busca de presentes e produtos diferentes. Desde pequena adooooro passear por lá e cada vez que visito Curitiba, dou uma volta por lá.

Nas barraquinhas têm artesanato em madeira, metal, pedras, tecidos, cerâmica, etc. Tem muita coisa legal para bebês e crianças e uma infinidades de produtos para todos os gostos: chinelos, velas, sabonetes, brinquedos, bonecas, quadros, panos de prato, bijouteria, roupa e muito mais.


Eu já visitei muitas feiras pelo mundo afora e garanto que esta de Curitiba é uma das poucas com tantos produtos feitos realmente de maneira artesanal. Cansei de ver feirinhas que se dizem artesanais, mas só vendem produtos made in China.

Minha dica, tem uma barraquinha que vende biscoitos artesanais que são maravilhosos! É uma senhorinha que faz rosquinhas de canela e outras de goiabada que são, literalmente, de lamber os beiços!!! Se você passar na frente dela, não deixe de comprar um pacote ou vários.

Além desses produtos, na feirinha tem várias barracas com boas comidas, como pastel, empanadas, kreps, acarajé e outros comes e bebes. Na próxima foto você pode ver meu mural favorito da região. Adoro a representação dessa mulher negra e a alegria dessas cores!

 

Minha segunda dica, é melhor chegar cedo (a feira abre as 9h) porque mais tarde vai enchendo de gente e no verão faz bastante calor para passear entre as barraquinhas.

Mais atrações
Além da feirinha, tem vários pontos para visitar no Largo da Ordem, que abriga as construções mais antigas da cidade. Aos domingos aproveite para entrar na mesquita, que abre ao público justamente nesse dia, das 10h30 às 15h30.

Mesquita de Curitiba

A única mesquita de Curitiba é a Imam Ali ibn Abi Talib (Rua Kellers, 383), fundada em 1972. Dentro desse belo edifício tem escritos em árabe com a bela caligrafia artística. Esse é um bom lugar para conhecer um pouco mais sobre o islã, a religião dos muçulmanos.

A Igreja do Rosário, na Praça Garibaldi, é outro ponto que indico a visita. Na fachada desse lindo edifício azul em estilo barroco dá para ver alguns azulejos da igreja original e no seu interior tem outros azulejos portugueses.

Igreja do Rosário

A primeira igreja do Rosário foi construída por escravos e para os escravos, inaugurada em 1737, em estilo colonial. O nome original era Igreja de Nossa Senhora dos Pretos de São Benedito.

Procurando hotel em Curitiba, então confira as melhores ofertas com o Booking. Se você reservar através deste link, o blog ganha uma pequena comissão para continuar ativo e você paga a mesma coisa.

Outro lugar que recomendo a visita é o Memorial de Curitiba (Rua Claudino dos Santos, 79). Com linhas modernas, metal e vidro nesse espaço sempre tem exposições e shows musicais gratuitos, também aos domingos.

Memorial de Curitiba
Memorial de Curitiba. Foto: Prefeitura de Curitiba

Se depois de tanta caminhada, você quiser descansar os pés, comer ou beber alguma coisa, visite o mítico Bar do Alemão (Rua Dr. Claudino dos Santos, 63).

Quase todos os curitibanos já sentaram ali um dia para degustar um prato de joelho de porco com salsicha vermelha, chucrute ou um marreco com purê de maçã e repolho roxo. Tudo isso acompanhado da bebida mais famosa da casa, o chopp submarino (cerveja com um copinho pequeno de Steinhäger dentro).

Mais informações

A Feirinha do Largo da Ordem acontece em Curitiba somente aos domingos, das 9h às 14h. No bairro São Francisco, no centro histórico.

Participe e deixe seu comentário